Subscribe Now

Trending News

Especial Telemedicina | Obesidade infantil
Telemedicina

Especial Telemedicina | Obesidade infantil

Dia 3 de Junho foi o Dia da Conscientização da Obesidade Infantil.

A obesidade infantil atualmente é um grande problema de saúde pública.

Vivemos uma verdadeira epidemia de obesidade, já que nas últimas décadas a obesidade na infância dobrou e até mesmo triplicou em algumas idades.

No Especial Telemedicina de hoje serão abordadas quais são as formas de prevenção da obesidade infantil. Acompanhe!

Obesidade em crianças e adolescentes

Nos EUA, uma em cada 5 crianças sofrem de obesidade. E esta taxa aumenta com a idade: 40% dos adolescentes, entre 16 e 19 anos lutam contra a obesidade.

Com isso, doenças que antes eram quase exclusivas da idade adulta agora são vistas com mais frequência em crianças e adolescentes. Hipertensão, colesterol alto, doença no fígado e distúrbios de sono, entre outras, estão associadas à obesidade.

Let’s Move – Obesidade infantil

Essas taxas que só aumentam nos Estados Unidos levou a criação da campanha de saúde pública chamada Let’s Move.

Foi uma campanha liderada pela Michele Obama e tinha como objetivo reduzir a obesidade infantil, incentivando um estilo de vida saudável nas crianças.

Desse modo, o Let’s Move almeja diminuir a obesidade infantil para 5% até 2030. Sendo assim, seria possível resolver os desafios da obesidade infantil em uma geração, para que as crianças nascidas hoje atinjam a idade adulta com um peso saudável.

Let’s Move – Um plano de ação americano com cinco objetivos

O Let’s Move encorajaria alimentos mais saudáveis nas escolas, melhor rotulagem de alimentos e mais atividade física para as crianças. As mudanças aconteceriam por meio de um plano de ação nacional com cinco objetivos:

  • Criando um começo saudável para as crianças
  • Capacitando pais e cuidadores
  • Fornecendo alimentos saudáveis ​​nas escolas
  • Melhorar o acesso a alimentos saudáveis ​​e acessíveis
  • Aumento da atividade física

Prevenção da obesidade infantil

A prevenção da obesidade começa no início da vida do bebê, através do aleitamento materno exclusivo e introdução alimentar adequada aos 6 meses de vida.

Criar oportunidades da criança se manter ativa com momentos de brincadeiras ao ar livre, correr, andar de bicicleta e praticar esportes criam hábitos saudáveis e um estilo de vida com mais movimento e menos sedentarismo.

Mudanças consistentes

Pequenas mudanças na alimentação, de forma consistente no dia-a-dia, podem gerar resultados importantes na saúde da criança. A criança deve comer alimentos pouco calóricos e ricos nutricionalmente como frutas, vegetais, cereais, carne e peixe.

Deixar de fora do cardápio alimentos fritos, refrigerantes, sucos e doces. A criança deve se habituar a beber bastante água e leite com baixo teor de gordura.

Se alimentos e bebidas saudáveis estiverem disponíveis será mais fácil fazer boas escolhas. Fique de olho também no tamanho das porções. Porções prontas e de restaurantes costumam ser muito grandes.

Usar pratos menores e fazer as refeições na mesa (sempre que possível com a família reunida) e sem televisão ou outros recursos eletrônicos evitam que sua criança coma mais do que realmente precise.

Enfim, a obesidade é uma doença e deve ser prevenida e tratada na infância. O que você achou do artigo de hoje? Compartilhe essa informação importante com alguém!

Mônica Rodrigues

Faça o download deste post inserindo seu e-mail abaixo

Não se preocupe, não fazemos spam.
Powered by Rock Convert

fale conoscoPowered by Rock Convert

Posts relacionados

Deixe uma resposta

Campos obrigatórios *