Neste artigo, vamos te ensinar a fórmula secreta para que o fracasso nunca mais te visite. Com ela, todos os seus projetos darão certo, você irá conseguir conquistar tudo que sonhou e será muito feliz.

Brincadeiras à parte, este não é um texto comum sobre sucesso. Aqui, o fracasso, para nós, seria não conseguir te inspirar e virar uma chavinha dentro da sua cabeça. Continue lendo:

O que é o fracasso?

Antes de tudo, é preciso definir o que é, afinal, o tal do fracasso. Pode parecer bobo, mas o significado e o peso que damos às coisas moldam a forma que nos relacionamos com elas. A concepção que temos de sucesso e fracasso, assim como todos os símbolos de uma sociedade, foram moldados por agentes externos, trata-se de uma construção social

Na sociedade ocidental, sucesso é com 30 anos ocupar um cargo importante na empresa – ou ter fundado a startup que você sonha há anos -, ser casado e na espera do primeiro filho, ter os objetos de desejo do momento, dominar duas línguas estrangeiras e viajar uma vez por ano. Sem este pacote completo, você está na fila do fracasso

Expectativas altas

O que ninguém te conta é que este cargo tão importante pode tirar a saúde mental. Que o casamento pode ser abusivo e a gravidez de alto risco. Os objetos de desejo podem ser comprados e viagens feitas em uma necessidade de preencher um vazio existencial. Note que nenhum extremo é saudável. Ao ter expectativas tão altas, a queda também pode ser grande. 

Um excelente caso para analisar o quão falho é este modelo de sucesso – e consequentemente, de fracasso – é o do comediante Whindersson Nunes. O jovem nasceu no interior do Piauí, com uma vida muito simples, assim como a maioria dos brasileiros.

Ao fazer sucesso com vídeos no YouTube, enriqueceu exponencialmente a ponto de ter o próprio jatinho e tornou-se uma das figuras mais relevantes do país. Este ano, Whindersson assumiu em público que vive com depressão

Que concepção de sucesso é essa que vista a posse dos mais caros bens materiais, mas abre mão da vontade de viver, da paz interior? Ninguém precisa viver para alcançar o tal pacote completo, assim como ninguém deveria sofrer as possíveis consequências dele. Uma vez que se toma consciência disso, é preciso tomar as rédeas para então ressignificar o que nos oprime.

Mude seus referenciais 

Uma das formas mais efetivas de ressignificar o que é sucesso e fracasso é mudar os referenciais. Abra a mente para além do óbvio e entenda o que faz sentido para você.

A geração conhecida como millennials assumiu o protagonismo desta missão. Se para seus pais sucesso era ter o carro do ano, para estes jovens, o objetivo é poder ir de bicicleta para o trabalho. Ao ajustar o significado de sucesso para o que você acredita, a ideia do que é o fracasso automaticamente também muda.

Tudo bem se você se identifica mais com a geração anterior e gostaria de ter grandes bens. Mas ao buscar se inspirar em pessoas que veem o sucesso no simples, você não depende apenas das enormes conquistas para se sentir preenchido. E principalmente, não se sente um fracasso caso não consiga alcançá-las. Este é o segredo

A importância das pequenas metas

O seu objetivo maior pode ser parar de fumar e fazer mais exercícios físicos. Ótimo, acreditamos em você! Mas é de extrema importância que você também valorize as pequenas conquistas durante esta jornada. 

Sucesso também é conseguir reduzir o número de maços por semana e ir um dia a mais na academia. Você não é um fracasso por não ter conseguido largar o cigarro de um mês para o outro. Você está de parabéns por ter reduzido a frequência dia após dia. É sobre uma mudança de ótica.

A maioria de nós foca apenas nas grandes metas de longo ou longuíssimo prazo. Casa própria, viagens pra Europa e a bolsa de grife dos sonhos. O problema está no ‘apenas’. A regra da educação financeira vale para todas as áreas da vida: é preciso trabalhar com ”metinhas, metas e metonas”.

Vamos pensar neste sistema no trabalho. Vamos supor que a sua ”metona” é subir na hierarquia e dobrar o seu salário. Para isso, a ”meta” deve ser se especializar, fazer cursos, mestrado ou um MBA. Mas para conseguir este objetivo, as ”metinhas” serão diversas: desde assistir aulas e entregar demandas até conseguir conciliar os novos estudos com a vida pessoal e profissional.

Esta é uma forma muito eficiente de sentir que você está conquistando os seus desejos. Quando os seus sonhos são mais acessíveis, há mais chances de realizá-los e portanto, não se sentir um fracasso. É muito cruel com nós mesmos só associar o sucesso no último degrau da escada da vida.

Gostou do artigo? Siga o perfil do Conexa Saúde no Instagram para muito mais!

Texto: Manoela Caldas.

fale conoscoPowered by Rock Convert