Tempo é dinheiro e quando você não faz uso dele a seu favor os prejuízos são inevitáveis. Pode ser o atraso na entrega de uma tarefa ou projeto ou até mesmo não fechar as metas semanais ou mensais.

Isso não é bom nem para a empresa e muito menos para o funcionário, que passa a ter uma imagem negativa perante a ela. Em um mercado competitivo, funcionários que apresentam mais resultados dão mais lucro e têm mais chance de permanecer nas organizações e, inclusive, de ascender na carreira dentro ou fora delas.

Já os que não apresentam resultados satisfatórios correm risco de desligamento. Mas existem alguns vilões- que nem sempre nos damos conta- que roubam a nossa produtividade. Ao longo desse artigo vamos citar alguns deles e dar dicas de como evitá-los.

Ficou interessado no assunto? Então, continue a leitura e confira como fugir de hábitos que atrapalham a produtividade no trabalho

Não ter um checklist diário

Todo o dia temos uma série de tarefas a cumprir. São relatórios para produzir e/ou entregar; reuniões; contatos com outros setores da empresa, com fornecedores. Somado a isso ainda temos que administrar a nossa vida pessoal.

Corremos contra o tempo. Se não temos isso organizado em algum lugar, uma agenda, caderno de anotações, a probabilidade de esquecermos alguma coisa é bem grande. Para evitar que isso afete o seu desempenho faça um checklist das suas atividades diárias.

Adiar as tarefas mais difíceis

Quando temos uma dificuldade maior em uma atividade, a tendência é começarmos pelas mais fáceis e deixar estas para o final. Mas fazer por último é ter menos tempo, correndo o risco de não conseguir cumprir o prazo ou, na pior das hipóteses, entregar um trabalho de baixa qualidade.

Se você tem alguma dificuldade para executar uma demanda, pesquise, peça ajuda, pergunte, mas sempre priorize as mais difíceis, pois, quase sempre, levam mais tempo. Com isso, você não atrasa o resto das atividades.

Reuniões improdutivas

Com tantos meios para se comunicar reunião não é a única solução para discutir demandas e repassar tarefas às equipes.

Muitas vezes, elas mais atrapalham do que agilizam o trabalho. Isso porque tendem a demorar mais tempo do que o necessário e estender a carga horária dos funcionários, que ficam com o serviço atrasado e tem que recuperar o tempo quando voltam para suas estações de trabalho.

Reunião somente se for muito necessária e de forma objetiva, até porque muita coisa pode ser resolvida por e-mail ou mensagens de texto.

Checar insistentemente as redes sociais

O celular pode ser vilão e mocinho da produtividade. Tudo vai depender do uso que fazemos dele. Nele checamos e-mails e resolvemos demandas urgentes por aplicativos de mensagens de qualquer lugar. Mas checar insistentemente as redes sociais faz com que percamos muito tempo.

Pior: até sem nos dar conta disso. E parece que quanto mais você navega, mais quer navegar. Assiste vídeo aqui, curte foto ali e quando se dá conta já se passou tanto tempo que terá que correr para terminar seu trabalho. Resultado: queda na qualidade do serviço.

Tempo da pausa

Todo mundo precisa de uma pausa no trabalho para arejar a cabeça e renovar as ideias. Mas a hora do cafezinho é quando os colegas se encontram e, se a conversa estiver boa, pode  se estender mais do que o previsto. Papo vai, papo vem e as tarefas estão lá em cima da mesa esperando para ser finalizadas. Mas os prazos não esperam, nem as metas. Os cronogramas devem ser cumpridos e para isso é preciso dedicação. Nada espartano, porque somos humanos e precisamos de uma pausa. É só não procrastinar. 

E você, o que tem feito para melhorar o seu rendimento no trabalho?

Texto: Luciana Cavalcante

Gostou do post? Quer ficar por dentro de outras dicas como essa e garantir a saúde de seus colaboradores? Então, siga nosso Facebook e nosso LinkedIn para acompanhar as novidades! 

fale conoscoPowered by Rock Convert